Campanha de Proteção ao Mero Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 
Escrito por Luciano Cebula   

Campanha de Proteção ao Mero

A espécie
O Mero (Epinephelus itajara) é uma das maiores espécies de peixes e a que corre o mais sério risco de extinção. Pertence à família dos Serranídeos, que é representada também pelas garoupas, chernes e badejos. O Mero pode alcançar até 2,7 metros de comprimento e pesar mais de 400kg.

 

É um peixe solitário e territorialista, habita regiões recifais, ilhas rochosas, lajes, estuários e manguezais, mas também pode ser encontrado em naufrágios, estruturas submersas e plataformas de petróleo. Carnívoro, alimenta-se preferencialmente de lagostas, caranguejos e peixes. Seu período de acasalamento e reprodução acontece geralmente em áreas estuarinas no final da primavera e início do verão. Os filhotes possuem um crescimento lento e só atingem a primeira maturação com 6 anos em média.

O Mero ocorre nas águas costeiras e tropicais dos oceanos Pacífico e Atlântico. No Brasil sua incidência é menor Região Sul.

Proibido pescar Meros
O Mero é o primeiro peixe marinho que ocorre no Brasil a ser protegido em regulamentação específica. A espécie está protegida da pesca, captura, transporte, comercialização, beneficiamento e industrialização até setembro de 2007, através da Portaria IBAMA Nº 121 de 20 de setembro de 2002, editada à partir da solicitação da Fundação SOS Mata Atlântica - Base Urbana de Iguape, pelo processo 02027.009595/01-87.

Penalidades aos Infratores
Aos infratores serão aplicadas as penalidades e sanções previstas na Lei de Crimes Ambientais, regulamentada pelo Decreto n° 3.179 de 21/09/1999, com penas que variam de 1 a 3 anos de detenção e/ou multa de R$ 700,00 a R$ 1000.000,00.

Protegendo os Meros
Você pode ajudar a proteger o Mero. Denuncie a pesca ilegal. Assim você estará ajudando na recuperação populacional da espécie, na manutenção do equilíbrio ecológico dos ecossistemas costeiros e marinhos e na conservação da biodiversidade brasileira.

Denúncias
IBAMA - Linha Verde - 0800-618080 - Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Policia Ambiental - 0800-132060

Fundação SOS Mata Atlântica (11) 3887-1195 - jurí Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Iguape - (13) 6847-2379 - Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

comentarios (4)
  • marcia de souza ferreira  - pesquisa sobre meros
    estou iniciando uma pesquisa sobre os meros. Meu objetívo é investigar na Ilha de Meros, em Paraty os motivos que levaram à completa extinção desse espécime em suas águas e se é possível reintegrá-lo em seu habitat natural, através da criação em ambientes controlados. Para isso venho pedir-lhes inforçãoes como bibilografias sobre o assunto e todo e qualquer material que possa ser útil.
    Um grande abraço.
    Márcia
  • marcia de souza ferreira  - pesquisa sobre meros
    estou iniciando uma pesquisa sobre os meros. Meu objetívo é investigar na Ilha de Meros, em Paraty os motivos que levaram à completa extinção desse espécime em suas águas e se é possível reintegrá-lo em seu habitat natural, através da criação em ambientes controlados. Para isso venho pedir-lhes inforçãoes como bibilografias sobre o assunto e todo e qualquer material que possa ser útil.
    Um grande abraço.
    Márcia
  • marcia de souza ferreira  - pesquisa sobre meros
    estou iniciando uma pesquisa sobre os meros. Meu objetívo é investigar na Ilha de Meros, em Paraty os motivos que levaram à completa extinção desse espécime em suas águas e se é possível reintegrá-lo em seu habitat natural, através da criação em ambientes controlados. Para isso venho pedir-lhes inforçãoes como bibilografias sobre o assunto e todo e qualquer material que possa ser útil.
    Um grande abraço.
    Márcia
  • marcia de souza ferreira  - pesquisa sobre meros
    estou iniciando uma pesquisa sobre os meros. Meu objetívo é investigar na Ilha de Meros, em Paraty os motivos que levaram à completa extinção desse espécime em suas águas e se é possível reintegrá-lo em seu habitat natural, através da criação em ambientes controlados. Para isso venho pedir-lhes inforçãoes como bibilografias sobre o assunto e todo e qualquer material que possa ser útil.
    Um grande abraço.
    Márcia
Escrever um comentario
Sesu detalhes:
comentario:
[b] [i] [u] [url] [quote] [code] [img]   
:D:angry::angry-red::evil::idea::love::x:no-comments::ooo::pirate::?::(:sleep::)
;);)):0
Security
Por favor coloque o codigo anti-spam que voce le na imagem.

!joomlacomment 4.0 Copyright (C) 2009 Compojoom.com . All rights reserved."