Pesca do Tucunaré

Pesca do Tucunaré

 

Peixe preferido de muitos pescadores, pela voracidade do ataque a emoção da briga, a pesca do Tucunaré é diversão garantida para quem curte o briguento.

Assim, resolvermos colocar 10 dias para quem quer enfrentar o Tucunaré pesca e sair vitorioso:

1- Como uma grande variedade de peixes predadores, os tucunarés procuram se esconder sob galhos e outras estruturas. Procure por esses tipos de locais.

2- Teste várias iscas artificiais, e m várias profundidades para localizar onde o ataque está acontecendo.

3- Na busca do alimento, o Tucunaré pesca do Fundo para o Raso do rio. Aproveite o ecobatímetro do barco para identificar esses locais.

4- Depois de fisgado, trabalhe oTucunaré com calma. Não se afobe o tente arrancar ele “a força” da água.

5 – Muitas vezes o peixe está no fundo do rio. Isso tende a acontecer em dias de variação de pressão e, por consequência, do tempo.

6- Procure escolher a vara com  a ação mais adequada à isca artificial utilizada.

7- Procure copiar a natureza. Se os peixinhos nadam depressa para escapar dos predadores, então sua isca artificial deve fazer o mesmo.

8- Cuidado com a garatéia da isca. Ao se debater, o Tucunaré pode se debater e arremessá-la contra você.

9- Sempre deixe um pouco de linha solta, quando for embarcar o Tucunaré. No último momento ele pode tentar uma última investida de fuga e pode estourar a linha.

10- Só deixe o peixe fora da água o tempo suficiente para as fotos. Deixá-lo fora da água por muito tempo pode ter consequências irreversíveis.

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *